Caracterização comportamental, eletroencefalográfica, eletromiográfica e hematológica resultante da intoxicação por Thevetia peruviana.

  • ADRIELLE THAIS MONTEIRO DOS SANTOS Universidade Federal do Pará

Abstract

Thevetia peruviana é uma planta nativa da América Central e do Sul, comum em muitas regiões brasileiras e em locais de fácil acesso. Ela tem sido a causa de muitas intoxicações confirmadas pelo ministério da saúde e pelo sistema de informações tóxico farmacológicas. O objetivo deste trabalho é conhecer e caracterizar os padrões eletroencefalográficos e eletromiográficos obtidos após a aplicação do extrato etanólico de Thevetia peruviana em ratos, comprovando efeitos de excitabilidade cardíaca e quimioconvulsivantes. Foram utilizados para os primeiros testes experimentais 27 ratos machos adultos da linhagem Wistar, pesando entre 200 e 250 gramas. Para uma caracterização comportamental da exposição ao extrato, foram utilizados 09 ratos que receberam por via intraperitoneal o extrato etanólico numa dose de 150 mg/kg. A avaliação comportamental da administração do extrato da Thevetia peruviana revelou a ação tóxica da planta. Os registros eletroencefalográficos demonstraram uma diminuição nas forças cerebrais de forma significativa. Conclui-se que a Thevetia tem alto poder de intoxicação e causa entre seus principais efeitos miorrelaxamento e efeito depressor da atividade cerebral.

Author Biography

ADRIELLE THAIS MONTEIRO DOS SANTOS, Universidade Federal do Pará
Faculdade de Biomedicina da UFPA, Intituto de Ciências Biológicas, Laboratório de Farmacologia e Toxicologia de Produtos Naturais.

References

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS


ASSIS, M.a et al. Presença de plantas tóxicas em escolas públicas do município do Rio de Janeiro: dados preliminares. 2009. Disponível em: . Acesso em: 10 .08. 2017


BATISTEL, L.M et al. Diagnóstico qualitativo e quantitativo da arborização urbana nos bairros Promissão e Pedro Cardoso, Quirinópolis, Goiás. Revsbau, Piracicaba, v. 4, n. 3, p.110-129, 2009.


BOCHNER, R. et al. Problemas associados ao uso de plantas medicinais comercializadas no Mercadão de Madureira, município do Rio de Janeiro, Brasil. Rev. Bras. Pl. Med., Botucatu, v. 14, n. 3, p.537-547, 2012.


COSTA, F.M. et al. Anais Do IX Congresso De Ecologia Do Brasil, 2009, São Lourenço. Riscos De Intoxicação De Animais Na Pecuária, Por Plantas Tóxicas: Uma Revisao Bibliográfica. Minas Gerais: SEB, 2009. p. Disponível em: . Acesso em: 01 ago. 2017.


DURASNEL, P. et al. Intoxications graves lors de treitements traditionnels par les plantes à Mayotte. Société de pathologie exotique et Lavoisier, n. 107, p. 306-311, jun. 2014.


EDDLESTON, M. et al. Acute yellow oleander (Thevetia peruviana) poisoning: cardiac arrhythmias, electrolyte disturbances, and serum cardiac glycoside concentrations on presentation to hospital. Heart, v. 83, n. 3, p. 301-306, 2000.


FRANCO, M. Chapéu-de-Napoleão (Thevetia peruviana). 2011. Disponível em: . Acesso em: 03 jul. 2017.


GARCÍA, C.; LUNA, Z. Intoxicación por Thevetia peruviana (hueso o codo de fraile). Presentación de un caso. Revista de la Associación Mexicana de Medicina Crítica y Terapia Intensiva, v. XXVII, n. 4, p. 245-248, out/dez. 2003.



GONZÁLEZ, Y. A. de et al. Intoxicación por la administración de tabletas de Thevetia peruviana como tratamiento para bajar de peso: presentación de un caso. Revista de Toxicología, v. 20, n. 3, p. 221-223, 2003.


HASSAN, M.M. et al. Studies on the antidiarrhoeal, antimicrobial and cytotoxic activities of ethanol-extracted leaves of yellow oleander (Thevetia peruviana). Open Veterinary Journal, V. 1, p. 28-31, fev. 2011.


HARAGUCHI, M. Plantas tóxicas de interesse na pecuária. Revista O Biológico., 65: 37 – 39, 2003.


KARERU, P.G et al. Anti-termite and antimicrobial properties of paint made from Thevetia peruviana (Pers.) Schum. Oil extract. African Journal of Pharmacy and Pharmacology, V. 4, P. 087-089, fev. 2010.

LANGDORF, S.D.; Boor, P.J. Oleander toxicity: na examination of human and toxic exposures. Toxicology, v.109, n. s/n, p 1-13, 1996.


MAGALHÃES, B; ALMEIDA, M.P de. Crescimento e desenvolvimento de mudas de Thevetia neriifolia L. em casa de vegetação. 2014.


MANAGIT, C.; SAKURAI, H.; SAIKI, I. Ethanolic extract of Thevetia peruviana flowers enhances TNF-α and TRAIL-induced apoptosis of human cervical cancer cells via intrinsic and extrinsic pathways. Oncology Letters, v. 13, n. 4, p. 2791-2798, 2017


MEDEIROS, Luiz Fernando Souza; PEREIRA, Marcio. Espécies com princípios tóxicos, empregados na arborização urbana do bairro Nossa Senhora das Graças-Miguelópolis, SP. Nucleus, v. 5, n. 2, 2008.


MOURA, M.D.B de; AGRA, M.F. Apocynaceae tóxicas e medicinais ocorrentes nos estados de pernambuco e paraíba, brasil. Acta Boto Bras, Recife, v. 2, n. 3, p.273-279, 1989.


OJI, O.; OKAFOR, Q. Toxicological Studies on Stem Bark, Leaf and Seed Kernel of Yellow Oleander (Thevetia peruviana). Phytotherapy Research, v. 14, p. 133–135, jun. 1999.

OLIVER-BEVER, B. Medicinal Plants in Tropical West Africa. Cambridge University Press, p. 366, 1986.


PANIGRAHI, A.; RAUT, S. K. Thevetia peruviana (Family: Apocynaceae) in the control of slug and snail pests. Mem. Inst. Oswaldo Cruz [online], v.89, n.2, p. 247-250, 1994.


RAMOS-SILVA, A. et al. Anticancer potential of Thevetia peruviana fruit methanolic extract. BMC complementary and alternative medicine, v. 17, n. 1, p. 241, 2017.


ROBERTS, D. M. et al. Pharmacokinetics of digoxin cross-reacting substances in patients with acute yellow oleander (Thevetia peruviana) poisoning, including the effect of activated charcoal. Ther Drug Mo, v. 28, n. 6, p. 784, 2006


SAMANTA, J.; BHATTACHARYA, S.; RANA, A. C. Antifertility activity of Thevetia peruviana (Pers.) K. Schum leaf in female Sprague-Dawley rat. Indian journal of pharmacology, v. 48, n. 6, p. 669, 2016.


Secretaria da Saúde (Org.). Intoxicações por Plantas Tóxicas. Disponível em: . Acesso em: 01 ago. 2017.


SILVA, L.C. Plantas ornamentais tóxicas presentes no shopping riverside walk em Teresina – PI. Revsbau, Piracicaba, v. 4, n. 3, p.69-85, 2009.


SINITOX/CICT/FIOCRUZ; CIT/PA - Belém; CIAVE/BA -Salvador; CCI/SP - São Paulo; CCI/SP - Campinas; CIAVE/ MT - Cuiabá; CIT/RS - Porto Alegre. Plantas Tóxicas no Brasil. Julho, 2001 (cartaz e folder)


SOUZA, A.R.C de et al. Identificação das espécies ornamentais nocivas na arborização urbana de Santiago/RS. Revsbau, Piracicaba, v. 6, n. 2, p.44-57, 2011


TEIXEIRA, L. et al. Aspectos Toxicológicos de Thevetia peruviana e perfil dos usuários em Gurupi-TO. Revista Científica do ITPAC, Araguaina, v.6, n.4, Pub.4, out. 2013.


VASCONCELOS, J.; VIEIRA, J.; VIEIRA, E. Plantas Tóxicas: Conhecer para Prevenir. Revista Científica da UFPA, V.7, n. 01, p. 01-10, 2009.


YADAV, S.; SINGH, S.P.; MITTAL, P.K. Toxicity of Thevetia peruviana (yellow oleander) against larvae of Anopheles stephensi and Aedes aegypti vectors of malaria and dengue. Journal of Entomology and Zoology Studies V.1, n.6, p. 85-87, nov. 2013.


ZAMANI, M. D.; ASLANI, M.D. Cardiac Findings in Acute Yellow Oleander Poisoning. Journal of cardiovascular disease research, v. 1, n.1, p. 27-28, jan./mar. 2010.


ZIBBU, G.; BATRA, A. Effect of adeninesulphate on organogenesis via leaf culture in an ornamental plant: Thevetia peruviana (pers.) Schum. International Journal Of Pharma And Bio Sciences, India, v. 1, n. 2, p.1-9, 2010
Published
2018-06-22
How to Cite
DOS SANTOS, A. T. M. (2018). Caracterização comportamental, eletroencefalográfica, eletromiográfica e hematológica resultante da intoxicação por Thevetia peruviana, 11(2). https://doi.org/10.22280/revintervol11ed2.350
Section
CIÊNCIAS BIOLÓGICAS II (FARMACOLOGIA - TOXICOLOGIA)